Informe Publicitário

Informe Publicitário

quarta-feira, 29 de julho de 2015

ASPOL/PE DENUNCIA: SISTEMA PENITENCIÁRIO DE PERNAMBUCO AFUNDOU COM O PACTO PELA VIDA

A Associação dos Policiais Civis de Pernambuco (ASPOL/PE) denuncia que a Segurança Pública de Pernambuco continua agindo de forma negligente em relação ao sistema penitenciário. O baixo efetivo de plantão, que conta com somente 4 servidores para mais de 2 mil presos; estrutura física precária; e frequentes fugas nas unidades prisionais.
unnamed (1)
Na manhã da última segunda-feira (27) mais dois detentos escaparam do Complexo Prisional do Curado, na Zona Oeste do Recife. É a segunda fuga que acontece no presídio em menos de duas semanas. Para Diego Soares, presidente da ASPOL/PE: “Diante do falido Pacto pela Vida, o governo prega uma política de encarceramento sem muitos critérios, o que ocasionou a superlotação do sistema penitenciário. Há pouquíssimos servidores para dar conta da demanda e, além disso, estes contam com a 26ª pior remuneração do Brasil e uma estrutura de filme de terror. 
As viaturas estão sucateadas e quase não há equipamentos de proteção individual, como coletes balísticos dentro da validade. Assim, o contexto de fugas e incêndios nas unidades, enfretamento dos presos com os agentes é uma consequência. Infelizmente, tudo isso anuncia situações trágicas, pelas quais o governo deverá ser responsabilizado”.
Comunicação ASPOL/PE

PSF DO ALTO DA BOA VISTA IMPLANTA O “ATENDIMENTO COM CLASSIFICAÇÃO DE RISCO” PARA MELHOR ATENDER A POPULAÇÃO

O prefeito Alexandre Arraes (PSB) tem frequentemente visitado as repartições publicas do município para ouvir os profissionais e também a população sobre a qualidade do atendimento.


Na manhã desta quarta-feira (29) estivemos acompanhando uma dessas visitas do prefeito ao PSF-Alto da Boa Vista I, onde lá conversamos com o Dr. Paulo Eudes, responsável pela implantação de um programa de qualidade chamado “Atendimento com Classificação de Risco”, esse programa tem o objetivo de atender com mais rapidez as pessoas que tem prioridade e com maior gravidade para melhorar o atendimento.

Prefeito Alexandre Arraes, Roberta Arraes, Dr. Paulo, Airton Lage, Boba Sampaio, Magna, Isa Jacques, e demais membros do PSF do Alto da Boa Vista


O Dr. Paulo falou para o programa Canal Aberto sobre o funcionamento do programa, confira no áudio abaixo:


PUBLICIDADE


terça-feira, 28 de julho de 2015

MINISTÉRIO LIBERA R$ 10 MILHÕES PARA CADASTRO AMBIENTAL RURAL NO SEMIÁRIDO


Imóveis rurais
Medida é destinada ao cadastramento de pequenas propriedades localizadas na região que inclui os estados do Nordeste e o norte de Minas Gerais

O Ministério do Meio Ambiente e a Caixa Econômica Federal lançaram, na ultima segunda-feira (27), um edital de apoio a entidades da sociedade civil envolvidas na realização do Cadastro Ambiental Rural (CAR). A medida será destinada ao cadastramento de pequenas propriedades localizadas no semiárido brasileiro, região que inclui os estados do Nordeste e o norte de Minas Gerais.

Segundo a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, o foco, agora, é a agricultura familiar. Ela explicou que o edital privilegia a Caatinga, região em que menos registros foram feitos até agora. "Vamos viabilizar o cadastro onde ele não aconteceu", destacou.

A expectativa do Ministério do Meio Ambiente é de que 50 mil imóveis rurais sejam cadastrados a partir deste edital, que receberá recursos do Fundo Socioambiental da Caixa e deve ser publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira (28). O investimento total será de R$ 10 milhões. O prazo para o envio das propostas é o dia 30 de agosto.
Podem concorrer projetos orçados em R$ 1,5 milhão e R$ 2 milhões, que devem estar concluídos em oito meses, coincidindo com o prazo estabelecido pelo novo Código Florestal, que é maio de 2016. "Ao ter um único cadastro vai gerar desenho para melhorar nossas políticas públicas", afirmou a presidenta da Caixa, Miriam Belchior, ressaltando que o fato de o cadastro ir às comunidades mais distantes do País foi levado em consideração para a liberação dos recursos pela Caixa.
Pernambuco, Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte não atingiram 10% da área a ser cadastrada e serão prioridades nesta nova ação.
Cadastro Ambiental

O Cadastro Ambiental Rural é um registro eletrônico, obrigatório para todos os imóveis rurais, com objetivo de integrar informações ambientais sobre as propriedades, sejam elas Áreas de Preservação Ambiental (APP), reservas legais e áreas de propriedades e posses legais. Tem caráter declaratório, a exemplo do Imposto de Renda.
O CAR facilita certificação ambiental, ajuda no combate ao desmatamento, facilita o reflorestamento e a tomada de crédito agrícola, além de colaborar para políticas públicas pela base de dados que gera ao governo federal.

Fonte:
Portal Brasil, com informações do Ministério do Meio Ambiente e da Agência Caixa.


II CONFERÊNCIA MUNICIPAL DA PESSOA IDOSA ACONTECE NESTA QUARTA-FEIRA EM ARARIPINA

O Conselho Municipal do Idoso em conjunto com a Secretaria de Desenvolvimento Social, convida a todas as comunidades do município de Araripina e região para participar da II Conferência Municipal dos Direito da Pessoa Idosa, com o objetivo de debater temas relevantes para o campo do envelhecimento, assim como os avanços e desafios da política local do idoso.

A II Conferência Municipal dos Direito da Pessoa Idosa será realizada nesta quarta-feira, 29, a partir das 7h30 na sede do Lar Geriátrico.
O evento terá como tema “Protagonismo e Empoderamento da pessoa idosa – por Uma Araripina de Todas as Idades”. Serão discutidos os seguintes eixos temáticos:

Eixo 1 – Gestão (programas, projetos, ações e serviços);
Eixo 2 – Financiamento (Fundos Para Pessoa Idosa e Orçamento público);
Eixo 3 – Participação política e de controle social;
Eixo 4 – Direitos Humanos: Enfrentamento a Violência, Garantia de Direitos e sistema de proteção. 


(ACE-PMA)

PROCEDIMENTOS QUE DEVEM SER OBSERVADOS UM ANO ANTES DAS ELEIÇÕES

A filiação partidária, o domicílio eleitoral e a criação de partidos políticos devem ter seus processos realizados e aprovados um ano antes das eleições para quem deseja se candidatar a um cargo eletivo. Essa data é um divisor de águas no processo eleitoral e acolhe o princípio da segurança jurídica. A segurança jurídica concede ao cidadão a certeza das consequências dos atos praticados.

Pela legislação eleitoral essa data é um marco no calendário das eleições, a partir do qual não poderão ser mudadas as regras e nem alguns fatos já constituídos.

Filiação

Como no Brasil não há a possibilidade de candidaturas avulsas, todo candidato deve ser filiado a um partido político há pelo menos um ano antes da data fixada para o pleito, conforme dispõem os artigos 18 e 20 da Lei das Eleições (Lei 9504/1997).

A filiação partidária é o ato pelo qual um eleitor aceita, adota o programa e passa a integrar um partido político. Esse vínculo que se estabelece entre o cidadão e o partido é condição de elegibilidade, conforme disposto no artigo 14 da Constituição Federal. Só pode se filiar a uma legenda quem estiver em pleno gozo dos direitos políticos.

Mas há cidadãos ocupantes de cargos públicos que não estão submetidos a esse prazo de filiação partidária, como os magistrados, integrantes de tribunais de contas, membros do Ministério Público e militares. O magistrado, os membros de tribunais de contas ou Ministério Público que quiserem concorrer à eleição devem se filiar a um partido até seis meses antes do pleito, devendo se exonerar do cargo na Justiça ou na Corte de contas.

Por sua vez, o militar da ativa com mais de 10 anos de serviço, não detentor de cargo no alto comando da corporação, deve, primeiramente, ser escolhido em convenção partidária para disputar uma eleição. A partir dessa data, é considerado filiado ao partido, devendo comunicar à autoridade a qual é subordinado para passar à condição de agregado. Se eleito, será transferido para a inatividade. Se contar com menos de 10 anos de serviço, após escolhido em convenção, também será transferido para a inatividade. Em ambas as situações o militar não precisa, assim, respeitar a regra geral de um ano de filiado a uma legenda antes do pleito.

A Lei dos Partidos Políticos (Lei 9096/1995) proíbe expressamente que alguém esteja filiado a mais de um partido, devendo, na hipótese de coexistência de duas ou mais filiações, a Justiça Eleitoral determinar o cancelamento das mais antigas, prevalecendo somente a mais recente.

As informações sobre relações oficiais de filiados a agremiações políticas podem ser obtidas no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), assim como a emissão de certidão de filiação partidária. As siglas podem cadastrar seus representantes para utilização de ferramenta própria da Justiça Eleitoral (Filiaweb) com o objetivo de gerenciar suas relações de filiados (inclusões, alterações e exclusões de registros de filiações).


Criação de partidos


No Brasil, a Constituição Federal assegura a livre criação, fusão,
incorporação e extinção de partidos políticos, desde que sejam resguardados a soberania nacional, o regime democrático, o pluripartidarismo e os direitos fundamentais da pessoa humana. No entanto, a Lei das Eleições restringe a participação nos pleitos dos partidos criados a menos de um ano antes da eleição. Com isso, as legendas criadas em vésperas de eleições, delas não participam. Assim, ao eleitor é dada a segurança de saber, um ano
antes, quais partidos estarão aptos à disputa.

Domicílio Eleitoral

O domicílio eleitoral serve para organizar todo o conjunto de eleitores, o que permite à Justiça Eleitoral realizar as eleições em todo o país. É no domicílio eleitoral do cidadão que ele poderá disputar as eleições. Nesse contexto, não poderá uma pessoa com domicílio eleitoral em determinada localidade pleitear o registro de sua candidatura em outra.

É possível ter domicílio eleitoral em local diverso do qual efetivamente reside, por exemplo, onde se encontrem membros da família, onde se promovam projetos beneficentes (social ou comunitário), onde seja proprietário de empresa ou de investimentos relevantes (patrimonial, negocial ou econômico), onde exerça advocacia, consultoria ou mantenha contrato de
trabalho, onde já tenha sido candidato ou tenha participado de atividade política, entre outros.


Fonte: TSE


Secretaria Estadual de Comunicação

Partido Verde – São Paulo


segunda-feira, 27 de julho de 2015

PREFEITURA DE ARARIPINA CONTINUA A RECUPERAÇÃO DAS ESTRADAS RURAIS

A prefeitura de Araripina continua a recuperação de estradas e rodagens na zona rural. Depois de um inverno de dezembro a abril considerado bom, mas com ele muitas estradas ficaram destruídas.
A prefeitura municipal está recuperando as da Serra da Torre, Torre Grande, sitio Ventania, Jardim, Alto do Rufino ao sitio Tamboril, Serra da Boa Vista, Serra da Rancharia e Lagoa de Dentro ao sítio Pajeú. De acordo com informações do encarregado Severino Lacerda, a retroescavadeira, estará a partir desta segunda (27) no sítio Flamengo escavando piçarra para recuperação de estradas, naquela localidade e entorno como o povoado da Ponta da Serra.


O prefeito Alexandre Arraes informou que a meta é a recuperação total de toda malha rural, mas requer um certo tempo. Com uma área geográfica 1.847,470 km, o município é um dos maiores do estado.

PUBLICIDADE


DEPUTADO GONZAGA PATRIOTA VEIO MAIS UMA VEZ AO ARARIPE SOCORRER OS PRODUTORES DE MANDIOCA DE ARARIPINA

Na tarde do ultimo sábado (25) o Deputado Gonzaga Patriota (PSB) esteve em reunião na Câmara de Vereadores de Araripina tratando de melhorias para os plantadores de Mandioca, juntamente com os Vereadores João Dias, Tico de Roberto, Humberto Filho, e Doval da Saúde, presente também, Secretários Breno Ramos e Martinho Filho, representantes da Coperama, sindicato, CDC, Associações e vários agricultores, para solicitar a agilidade na compra da farinha que atualmente está com o preço defasado prejudicando os produtores.

O Deputado Gonzaga Patriota se comprometeu em buscar solução para a causa em parceira com CONAB e com a Prefeitura de Araripina para criar as alternativas para definitivamente resolver essa crise comercial que atualmente enfrentam os produtores da farinha de Mandioca e derivados.

Segundo Gonzaga, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) foi autorizada a comprar até 40 mil toneladas de farinha e fécula nos estados em que a cotação de mercado esteja abaixo do preço mínimo. A compra será realizada por meio da Aquisição do Governo Federal (AGF) e tem por objetivo garantir aos produtores rurais o nível de rentabilidade dado pelo preço mínimo, evitando que tenham que comercializar sua produção a preços que inviabilizem a atividade econômica. Produtores rurais ou cooperativos de agricultores interessados em vender seu produto devem procurar a superintendência da Conab, Gonzaga se comprometeu em articular essa parceria comercial.


Conversamos com o presidente da Cooperativa de Produtores de Mandioca de Araripina, João Paulo e com os vereadores João Dias e Tico de Roberto que articularam a reunião com o deputado Gonzaga Patriota.



sábado, 25 de julho de 2015

VOCÊ SABIA COMO A TECNOLOGIA É UTILIZADA NA AGRICULTURA?



Como em todos os setores e indústria a agricultura beneficiou e beneficia bastante da evolução e investimento tecnológico. Isto porque além de equipamentos que tornam o trabalho mais rápido, capaz e menos dispendioso também houve o desenvolvimento de novas formas de agricultura e técnicas para o seu cultivo que desenvolveram e revolucionaram por completo o setor.

O que leva ao aumento da capacidade produtiva sem a necessidade de expansão de áreas é uma tecnologia totalmente sincronizada, e é para este caminho que a agricultura brasileira está caminhando. Neste sentido, a indústria já está pronta para oferecer soluções integradas em relação ao aperfeiçoamento dos equipamentos, otimização do trabalho e suporte para grandes decisões agronômicas. O aumento da produtividade é essencial para fazer frente aos desafios do futuro e depende cada vez mais da inovação tecnológica. Investir em uma agricultura de precisão voltada às necessidades dos agricultores é o segredo para um excelente resultado no trabalho do campo. Para tal, vários equipamentos contribuem de forma crucial para este crescimento como é o caso dos tratores agrícolas, colheitadeiras, estufas e outros produtos e equipamentos que permitem uma maior especialização, produção e menos custos associados a isso apesar de uma menor necessidade de mão de obra.

Produtividade é a chave para qualquer operação de sucesso na agricultura, quando se tem uma maior precisão e automação nas diversas operações, além de permitir que os operadores das máquinas mantenham uma velocidade de funcionamento com uma excelente orientação automática. A constante velocidade de colheita resulta em uma melhor alimentação, que é crucial para um desempenho ideal em qualquer tempo.

Muitas vezes um operador de máquina precisa passar todo seu dia de trabalho dirigindo manualmente, enquanto percebe os obstáculos que tem pela frente.
Além disso, precisa tomar cuidado para que o implemento esteja funcionando conforme o modo para o qual foi projetado. Desta forma, os operadores geralmente ficam bastante desgastados durante sua jornada de trabalho.

A orientação automática é uma novidade extremamente facilitadora, vem de fábrica e promove a melhor experiência para o operador. É apenas uma questão de minutos antes dos operadores perceberem o quanto eles se sentem melhor com uma colheitadeira equipada com o AutoTracRowSense. É muito fácil girar o mecanismo de direção de implemento com os controles durante o uso da orientação ativa de implemento. Todos os produtos com orientação automática fazem com que os operadores sejam mais produtivos e se concentrarem em tarefas que não sejam apenas de direção enquanto percorrem o campo, além disso podem ser proativos, já que eles têm mais tempo para monitorar a plataforma da máquina com maior atenção, assim podem verificar se as peças da máquina estão desgastadas ou não em vez de apenas manter um olhar para os obstáculos prejudiciais no campo, como pedras e erosão.

Todas estas melhorias tecnológicas resultam em mais tempo de uso para o equipamento e um trabalhador mais atento – um benefício certamente comprovado para todos os envolvidos.

Texto elaborado por Francisco Cortes

quinta-feira, 23 de julho de 2015

SUCESSO: CARAVANA SOCIAL DA PREFEITURA DE ARARIPINA CONTA COM ENORME PARTICIPAÇÃO POPULAR EM NASCENTE

Grande participação popular na Caravana Social que aconteceu nesta quinta-feira (23) no distrito de Nascente. Mais uma edição do mutirão da prefeitura nos distritos com o objetivo de facilitar o acesso das comunidades aos serviços oferecidos pela administração municipal, o evento contou com a presença do prefeito Alexandre Arraes (PSB), da primeira-dama e assessora do governo do estado Roberta Arraes, dos vereadores João Dias, Humberto Filho e Francisco Edivaldo, Maderleide (secretária de Ação Social) Lídio Santiago (cultura), Moisés Filho (Infraestrutura), Breno Ramos (Agricultura), líderes comunitários como Elias de Chicão, Eldo do Cras e Andreson, imprensa e parceiros. Ainda houve apresentação musical e de dança, cadastramento do Bolsa Família, entre outras ações das secretarias do município.

Durante todo dia, aquela comunidade pode desfrutar de diversos serviços e atividades culturais e de lazer. Atendimento na área da saúde, orientação e cadastramento dos moradores em relação aos programas sociais, como Bolsa Família, serviços consultivos  de advocacia, entre tantos outros foram oferecidos gratuitamente à população.
O prefeito Alexandre Arraes, informa que tem realizado diversas ações no distrito, como serviços essenciais na estrutura dos bairros, patrulhamento intensivo das ruas, tapa buracos, reparos na iluminação pública, limpeza e varrição e recolhimento de lixo e entulho. “É uma forma que encontramos de levar nossa estrutura para as comunidades mais distantes da sede e atender nossa população de uma forma centralizada com serviços e ações sociais”, explica .



Os moradores participantes do evento foram unânimes em reconhecer os benefícios levados pela prefeitura aos moradores da localidade. “Ficamos felizes com a atenção recebida da prefeitura e dos parceiros”, salientaram.

IEL/PE PROMOVE BATE-PAPO SOBRE INOVAÇÃO EM ARARIPINA


Instituto convoca empresários para o "Café com Inovação", evento que abordará o tema "Inovar é um bom negócio"

Qual o diferencial das empresas que inovam? Será que a inovação realmente pode trazer ganhos aos negócios? O Instituto Euvaldo Lodi (IEL/PE) esclarece essa e outras dúvidas de empresários do Sertão do Araripe na palestra gratuita "Inovação é um bom Negócio", que acontece na sede da Fiepe em Araripina na próxima terça-feira, 28 de julho, às 17h. A entrada é gratuita, mas é necessário realizar inscrição – que pode ser feita neste link:http://goo.gl/forms/5xfMNwCm2h.

A palestra apresenta todo o processo de inovação aos empresários, desde conceitos a exemplos bem sucedidos do cotidiano. "Queremos mostrar que Inovação é um processo de cultura, de analisar e repensar hábitos e atitudes para se ter os melhores resultados no mercado", afirma Gelisa Bosi, coordenadora da Unidade de Competitividade do IEL/PE.

Para sensibilizar o público, o evento promoverá também uma dinâmica de grupo que mostra a importância da Inovação. Através de técnicas de design, o JOIN - jogo da inovação ajuda os jogadores a fundamentarem ideias inovadoras. "O jogo nos mostra como pensar fora da zona de conforto pode ser bom, técnica que facilmente se aplica ao ambiente corporativo", explica Gelisa.

Os temas serão detalhados por Ana Pires, coordenadora de desenvolvimento e difusão da tecnologia JOIN na Bahia. Atualmente, a técnica está sendo usada em mais de 40 empresas baianas, alcançando bons resultados no fomento de ideias e gestão inovadora de negócios.

A palestra faz parte do evento "Café com Inovação", realizado pelo Núcleo de Apoio à Gestão da Inovação (NAGI), sob coordenação do IEL/PE. Mais informações através dos telefones (81) 3334.7016 e (87) 3861-8433 ou pelo e-mail nucleoinovape@ielpe.org.br.

SERVIÇO:

Café com Inovação - Palestra "Inovação é um bom negócio"

Quando: 28 de julho de 2015, terça-feira
Onde: Sede da Fiepe em Araripina (Rua Marcos Vieira de Alencar, 339, Planalto)
Horário: das 17h às 21h.
Entrada gratuita, mediante inscrição prévia.


PUBLICIDADE